Reiki e os chakras: como a terapia Reiki cura através do equilíbrio

Os chakras nada mais são que os centros energéticos responsáveis pela troca e assimilação das energias que alimentam nosso todo integrado: físico, emocional, mental e espiritual. É neles que o método de cura Reiki de Mikao Usui atua, trazendo saúde e bem estar.

O que são chakras?

A palavra “chakra” vem do (idioma antigo originado na Índia) e significa literalmente “roda” ou “vórtice”. E, enquanto vórtices, os chakras estão sempre em um constante movimento circular, doando ou captando energias. Os chakras absorvem essa energia e alimentam o nosso corpo energético, para que assim possamos trocar energias com nosso entorno.

Segundo a tradição mais conhecida, nós possuímos sete chakras principais, localizados ao longo da nossa coluna vertebral e responsáveis pelo funcionamento de nossos órgãos e glândulas, seja aceitando, seja liberando energias. Ocorre que às vezes os chakras podem encontrar-se desalinhados, com fissuras ou obstruídos, e isto acaba causando um sem número de doenças físicas e emocionais.

Reiki e os Chakras

Um dos principais benefícios do Reiki é que ele proporciona, através de sua energia vital universal, a cura dos chakras, realinhando-os, restaurando-os, harmonizando-os e renovando-os.

Imagine que a energia flui pelos chakras como um rio. Se um trecho do rio estiver obstruído, todo o trajeto é afetado.

Em uma sessão de terapia Reiki, o terapeuta irá posicionar suas mãos sob cada um dos chakras e aplicar energia para restaurar o equilíbrio.

Há diversos sinais que mostram o desequilíbrio dos chakras. Quer saber quais estão obstruídos? Você pode fazer um pela internet.

Os sete principais chakras no Reiki e suas funções no corpo humano

Os 7 chakras são:

  • Chakra coronário (cor violeta)
  • Chakra frontal (terceiro olho, azul escuro)
  • Chakra laríngeo (azul claro)
  • Chakra cardíaco (verde)
  • Chakra umbilical (plexo solar, amarelo)
  • Chakra sacro (laranja)
  • Chakra básico (vermelho)

 

chakras do reiki

fonte da imagem:

Chakra coronário

Representado pelas cores violeta e dourada, este chakra fica no alto da cabeça, como uma coroa, e controla a glândula pineal (responsável pela produção de melatonina, a substância reguladora do sono). É o portal da espiritualidade, conectando nosso cérebro físico à nossa mente espiritual. Atua nos órgãos do sistema nervoso cerebral e autônomo.

Chakra frontal (ou chakra cerebral)

Situa-se na fronte, entre os olhos e é representado pelo azul escuro. Está ligado à glândula pituitária (hipófise), que é responsável pela segregação de vários hormônios importantes, dentre eles a endorfina (responsável pela sensação de bem-estar). É a chave do discernimento, da intuição, da imaginação, do conhecimento e da percepção. Atua nos órgãos do sistema nervoso, visual e auditivo.

Chakra laríngeo

Fica na altura da garganta e está ligado às glândulas tireóide e paratireóide, que regulam o metabolismo do corpo. É por onde correm a inspiração, a criatividade e a expressão. Atua nos órgãos fonéticos e também do aparelho respiratório. Sua cor é o azul claro.

Chakra cardíaco

Situa-se na altura do coração e controla o timo, a glândula responsável pelo funcionamento do sistema imunológico. De cor verde, é o chakra responsável pelos sentimentos e emoções, e atua nos órgãos do aparelho circulatório. Quanto mais aberto estiver este chakra, maior será nossa capacidade de amar um círculo de vida cada vez mais amplo.

Chakra umbilical (ou plexo solar)

Fica acima do umbigo e está ligado ao pâncreas (segregados de diversas enzimas do nosso organismo), sendo representado pela cor amarela. Por este chakra fluem as energias emocionais, reunindo informações, sentimentos e percepções. Atua no sistema digestivo.

Chakra sacro

Situa-se acima dos órgãos genitais e está ligado às glândulas sexuais (ovários e testículos). É o chakra da sexualidade e da criatividade e sua cor é o laranja. Energias primárias como a paixão correm por este chakra. Atua nos órgãos do aparelho reprodutor.

Chakra básico

Fica na base da espinha dorsal e está ligado às glândulas suprarrenais, responsáveis pela produção e liberação de adrenalina no nosso organismo. Sua cor é o vermelho e está vinculado à nossa existência terrena e à nossa sobrevivência. Atua na coluna vertebral, nos ossos e nos rins.

Como liberar os chakras?

O Reiki é apenas uma entre várias formas de equilibrar os chakras. Você também pode fazer isso através da meditação, pedras e cristais ou até mesmo com mudanças de atitude no seu dia-a-dia.

Leia nossos outros artigos e fique sabendo tudo sobre como funciona o Reiki e também alguns dos diferentes tipos de Reiki e as similaridades e diferenças entre si.

Especialistas online

Fê tavares

Fê tavares

Tarot mitológico,cartas xamânicas,tarot

100% Avaliações positivas

59 Consultas

Sacerdote juarez

Sacerdote juarez

Astrologia,tarot,mediunidade

88% Avaliações positivas

210 Consultas

Taróloga agatha

Taróloga agatha

Tarot,baralho cigano,mesa radionica

98% Avaliações positivas

610 Consultas

Alexandrita oraculista

Alexandrita oraculista

Magias com cristais,tarot,mediunidade

98% Avaliações positivas

1529 Consultas

Ofertas para você

Comentários

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *